O Ministério da Justiça e Segurança Pública deu início, nesta semana, à 3ª edição do curso de educação financeira voltado a migrantes e refugiados em todo o país.

A novidade, agora, é que os inscritos terão aulas de empreendedorismo. As outras disciplinas da formação básica em Gestão de Finanças Pessoais abordam conceitos básicos de juros, poupança, investimento, estratégias para sair do endividamento, organização orçamentária e planejamento. 

As aulas são online e ministradas pela Coordenação-Geral do Comitê Nacional para os Refugiados, do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Qualquer instituição ou organização da sociedade civil pode solicitar o curso para migrantes e refugiados pelos emails: [email protected] com cópia para [email protected] e [email protected]

Continua após a publicidade