O ministro da Educação, Milton Ribeiro, não vai manter na sua equipe a atual secretária de Educação Básica, Ilona Becskehazy, uma das últimas integrantes da gestão de Abraham Weintraub no alto escalão da pasta.

Ribeiro anunciou nesta quarta-feira que convidou a professora Izabel Lima Pessoa para assumir a SEB. Segundo o ministro, ela é servidora de carreira da Capes.

Leia em VEJA: Levantamento exclusivo revela os campeões da destruição. Mais: as mudanças do cotidiano na vida pós-pandemiaVEJA/VEJA

Na mesma publicação em uma rede social, o ministro agradeceu Ilona pelos serviços prestados no MEC durante 8 meses.

Na segunda-feira, um parecer encaminhado à Câmara assinado pela SEB sobre a falta de conhecimento a respeito do número de alunos da rede pública com acesso às aulas virtuais teve repercussão negativa para o ministério.

Na semana passada, o Radar mostrou que após a saída de assessores próximos a Weintraub, integrantes da ala ideológica do primeiro escalão do ministério – como Ilona e o Secretário de Alfabetização, Carlos Nadalim – tentavam se manter em suas funções.

Ontem, o ministro anunciou a permanência de Nadalim no cargo.

Continua após a publicidade